Retalho

por Monique Burigo Marin às 6:49 PM
Imagem: Brian M. Viveros

  Não pense que te esqueci. Eu prometi: não esquecerei, nem poderia. Se me afasto, é porque te quero bem. Não desejo quebrar sequer um fio de cabelo teu. E agora, quando penso nos teus cachos caídos sobre os olhos, sei que não me cabe afastá-los, porque tenho mãos de tesoura.
  Mas, querido, se precisar de retalhos para remendar os estragos, eu providencio imediatamente.

Monique Burigo Marin

4 comentários on "Retalho"

Iguimarães on 2 de março de 2012 01:07 disse...

Coisa linda.
Estou meio emotivo, porque acabei de ler umas coisas,mas quase chorei

Fabi Anselmo on 5 de março de 2012 16:38 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fabi Anselmo on 5 de março de 2012 16:38 disse...

Muito bom, Monique!

Dan Arsky Lombardi on 9 de março de 2012 16:10 disse...

Não é necessário esquecer. O importante é saber o que fazer com as memórias.

 

Template e imagens do layout por Wiliam Jose Koester.